Importância da mineração para a economia do país?

Importante fonte de renda, a mineração é um suporte financeiro e econômico para o país. No caso do Brasil, a atividade se torna grande protagonista nesse contexto, em função do potencial do solo nacional, caracterizado por seu diferencial e riqueza. A mineração é um dos setores básicos da economia brasileira.

Veja abaixo 5 fatores que explicam a importância da mineração para a economia do país:

1. Equilíbrio econômico 

A atividade de extração de minérios equilibra os índices de crescimento nacionais. Quer um bom exemplo disso? O recorde de superávit (quando a exportação de produtos é maior do que a importação) na balança comercial brasileira no primeiro semestre e em junho de 2017. Por trás do bom resultado, está a mineração. Isso porque o minério de ferro é uma das principais commodities que o Brasil exporta. A alta dos preços de minério e os sucessivos recordes de produção da Vale nos últimos trimestres contribuiu para o aumento do valor das exportações nacionais.

2. Influência histórica 

A mineração atrai muitos investimentos e tem bom retorno financeiro. E esse potencial do setor já era visível desde o período do Brasil colonial. Naquela época, a extração de minérios foi responsável por parte da ocupação do território nacional e, principalmente, pelo equilíbrio econômico e geração de riquezas. A consequência disso? Os olhos de mercados estrangeiros começaram a brilhar pelos solos brasileiros. Não à toa, durante todo o século XVII, o interior do país recebeu várias expedições em busca de metais valiosos e pedras preciosas.

3. Relação com fenômenos sociais 

A extração de minérios está associada em maior ou menor grau com todos os fenômenos sociais e tem vínculo com praticamente todas as questões de crescimento e desenvolvimento do país. A própria história da mineração no Brasil Colônia revela essa forte influência do setor. Durante o período colonial, o ouro encontrado no país foi levado para Portugal e gerou lucro até para a Inglaterra, que teria financiado a Revolução Industrial com parte das riquezas tiradas da colônia portuguesa. Sem contar que, com a riqueza trazida pela extração de ouro na época, surgiu uma nova classe consumidora no Brasil Colônia, a classe média.

4. Influência no PIB nacional 

Você sabia que a mineração no Brasil é responsável por quase 5% do PIB nacional? Ela é capaz de oferecer produtos para diversos e variados tipos de indústria como siderúrgicas, fertilizantes, petroquímicas e metalúrgicas. De olho nesse potencial da extração de minérios, muitas iniciativas governamentais têm como foco o investimento e a modernização do setor. E o resultado disso são o rápido crescimento do segmento e retornos significativos para a economia do país. 

5. Geração de Empregos 

A mineração contribui para a criação de inúmeros empregos diretos e indiretos, justamente por oferecer matéria prima para variados tipos de indústria. Afinal, o que seria das indústrias montadoras de veículos sem o aço, o vidro e os derivados do petróleo, matérias que provém diretamente da mineração?

É justamente essa relação indireta com outras indústrias que torna a extração de minérios uma das principais fontes de geração de empregos. Um estudo realizado pela empresa de consultoria PriceWaterhouseCoopers entre os fornecedores de equipamentos à mineração na Província de Ontario, no Canadá, revelou que somente o setor gera 40.960 mil empregos diretos e 27.471 mil indiretos, pagando US$4,6 bilhões em salários.

Fontes: Instituto Brasileiro de Mineração e Portal Técnico e Mineração

Comments